Rubens Jardim

A poesia é uma necessidade concreta de todo ser humano.

Meu Diário
08/03/2019 14h18
NOSSO POETA MAIOR: JORGE DE LIMA(1893-1953)

Não procureis qualquer nexo naquilo
que os poetas pronunciam acordados,
pois eles vivem no âmbito intranquilo
em que se agitam seres ignorados.

No meio dos desertos habitados
só eles é que entendem o sigilo
dos que no mundo vivem sem asilo
parecendo com eles renegados.

Eles possuem, porém, milhões de antenas
distribuidas por todos os seus poros
aonde aportam do mundo suas penas.

São os que gritam quando tudo cala,
são os que vibram de si estranhos coros
para a fala de Deus que é sua fala.

(poema de Jorge de Lima, do Livro de Sonetos (1948).Incluí no meu livrinho JORGE,80 ANOS (1973) que pode ser acessado gratuitamente através do link https://rl.art.br/arquivos/198687.pdf?1244516286)


Publicado por Rubens Jardim em 08/03/2019 às 14h18
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Site do Escritor criado por Recanto das Letras